quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Breakers


Breakers (Visco, Neo Geo) - Lançado em 17 de Dezembro de 1996 nos Arcades, Breakers é um jogo de luta 2D produzido exclusivamente para plataformas da SNK. O jogo introduziu algumas novidades no gênero, como os "personagens clones" ao invés de diferente cor de paleta na segunda roupa dos personagens, ilustrações desenhadas à mão dentro do próprio jogo na tela de seleção de personagens e movimentos de corrida e fuga diferentes dependendo do personagem em questão.

Em 21 de Março de 1997 o jogo chegou para a versão caseira do Neo Geo (AES) e em 25 de Abril de 1997 chegou ao Neo Geo CD com trilha sonora levemente melhorada e a possibilidade de se jogar com o chefe final no modo Versus. Em 03 de Julho de 1998, uma versão atualizada chamada Breakers Revenge foi lançada exclusivamente nos Arcades - até que finalmente em 07 de Julho de 2015 ele finalmente foi lançado para Neo Geo AES.


Jogabilidade





História

Em algum lugar de Hong Kong, 2 artistas marciais se enfrentam em um vasto jardim. O desafiante é um homem robusto de pele escura. O chão foi putrefato com sangue. Entretanto, sua lâmina crescente ainda não tocou o seu oponente. Esta era uma batalha de um homem só. Ele já estava exausto e não demoraria muito até que ele viesse à cair. "Idiota, você se tornará parte da minha família", ressoou da voz de seu oponente, enquanto o desafiante desintegrou no chão e se transformou em areia.

O Torneio de Luta Instintiva (FIST), é um torneio tão feroz quanto o seu nome sugere. Não há escassez de artistas marciais que entraram no torneio procurando fama, e também àqueles que deixaram o torneio como cadáveres. O ultimo desafiante que permanecer nesse torneio sem regras pode desafiar o organizador do torneio, o Líder da Camarilha Financeira Huang, para uma chance única de ganhar o prêmio em dinheiro. O artista marcial que conseguir derrotá-lo irá obter a honra de poder se chamar de o mais forte. Entretanto, nenhum dos que foram escolhidos para desafiar o campeão em uma luta final privada voltou vivo.

Ninguém sabe exatamente quando o torneio será iniciado, uma vez que apenas uma vontade avarenta esteve rondando por lá. O patrocinador é na verdade um espírito do mal que possuiu o corpo de um homem moderno de Hong Kong que estabeleceu um sistema de seleção para amplificar os seus poderes sombrios. O Torneio FIST uniu diversos participantes de todas as partes do globo e outro sacrifício será escolhido esse ano.


Personagens

Na versão original de Breakers haviam 8 personagens selecionáveis e 1 chefe que era selecionável apenas nas versões caseiras do jogo. Adicionalmente, cada personagem tem um alter-ego com nome diferente que cada personagem enfrenta no Modo Single Player ao invés de um clone. Esses alter-egos também tem uma história e diálogos diferentes dos originais. Em Breakers Revenge, um novo personagem foi apresentado e o chefe final se tornou um personagem selecionável.




Fases

Sho

Dao-Long


Condor


Rila


Tia


Alison III


Maherl


Pielle


Saizo


Bai-Hu


Desenvolvimento

Panfleto de divulgação do protótipo do jogo. Alguns personagens teriam seus nomes e roupas trocados na versão final.

Breakers foi originalmente anunciado em 1993 sob o título de "Crystal Legacy" em inglês ou "Tenrin no Syo Chicago 天麟の書 死嘩護" em japonês. O jogo foi anunciado na primeira edição da revista Game Hisshou Guide publicado pela Byakuya Shobo em 1993, enquanto a primeira edição da revista Game Center Tenkoku publicado pela Tokuma Shoten revelou a primeira screenshot do jogo naquele mesmo ano. Uma edição da revists Geibunsha's Super Game publicou um guia de estratégia para este protótipo, que difere da versão final lançada porque havia apenas uma Barra de Especial, comandos diferentes e golpes com nomes diferentes para alguns personagens, além de ter um movimento SUPER MOVE, utilizado com os botões ABCD simultaneamente, para todos os personagens.

Tenrin no Syo iria então passar por um teste local em Junho de 1994 no Game Center de Famil, próximo a Estação Shiinamachi e depois mostrado no AM Show naquele mesmo ano, antes do jogo ser reformulado e renomeado para Breakers.


Recepção

Montagem com o sprite de todos os personagens.

O jogo é bem obscuro na cena de Arcade e Neo Geo, mas de certa forma ganhou status de "cult". Junto com o fato de que nenhuma versão caseira de Breakers Revenge foi lançada, as versões caseiras do Breakers original nunca foram lançadas fora do Japão, deixando-o ainda mais obscuro. Devido ao seu status e notoriedade como um clássico cult, ele ainda pode ser visto sendo jogado em alguns torneios de jogos de luta japoneses modernos.


Imagens e Vídeos do Jogo



Vídeo de combos da versão Breakers Revenge.


Campeonato realizado em 2012 no Japão.


Capas

Capa da versão caseira para Neo Geo. Um menu de opções e teste de som foram adicionados. Cartucho de 210 MEGA.

No Neo Geo CD, além das adições da versão caseira para Neo Geo um modo 2-Player VS e a possibilidade de se jogar com o chefe foram adicionados.

Em Breakers Revenge, pequenas correções foram feitas na jogabilidade, cenários foram levemente modificados e novos sprites/fontes foram utilizadas. Em 2015, o jogo foi finalmente lançado para Neo Geo AES com as mesmas opções do jogo original.


Artwork

Sho

Dao-Long

Condor

Rila

Tia

Alison III

Maherl

Pielle

Saizo

Bai-Hu


Finalizando

Breakers é um daqueles casos de jogos bons que foram lançados no meio de tantos outros jogos melhores que poucos conhecem hoje em dia.


E por hoje é só. A Visco bem que tentou reformular e expandir o seu jogo para torná-lo competitivo na cena dos jogos de luta, mas o máximo que ela conseguiu foi garantir que o jogo recebesse o status de cult. O jogo ainda é cultuado por um seleto grupo de jogadores que ainda jogam online no GGPO e em campeonatos localizados. A própria Visco lançou Breakers Revenge em 2015 para o Neo Geo AES, porém ainda não se sabe como está o andamento das vendas do jogo.

A empresa tem outros jogos conhecidos no Neo Geo como Andro Dunos, Neo Drift Out e Ganryu, mas nenhum deles teve o sucesso do Breakers. Esse também foi o único jogo de l uta produzido pela empresa, que viria a encerrar suas atividades na industria dos vídeo-games em 2002. Fica aqui registrada essa lembrança pra esse título que tive a sorte de ter perto da minha casa por muito tempo.

No próximo post eu vou voltar com a série de Mega Man que ainda não terminei desde o ano passado. Vou falar sobre os 5 jogos da série lançados no Game Boy, a coletânea perdida para Game Boy Advance, o jogo feito por fã Street Fighter X Mega Man e o jogo cancelado Mega Man Universe. Espero que vocês tenham gostado e voltem em breve para curtir o nosso novo material!

Sigam-me os bons! \o\~~

5 comentários:

  1. Não conhecia e agora é mais um pra minha lista de "tenho que jogar".
    Achei curiosa a semelhança do cenário do Saizo com o cenário do Ryu de SF2.

    ResponderExcluir
  2. Jogaço!!! Tinha uma máquina em frente a minha escola!! Perdi uns trocados e algumas hrs de diversão com esse jogo!!!

    ResponderExcluir
  3. Jogaço!!! Tinha uma máquina em frente a minha escola!! Perdi uns trocados e algumas hrs de diversão com esse jogo!!!

    ResponderExcluir
  4. poderia reupar as imagens estão todas OFF.
    obrigado.

    ResponderExcluir