sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

ToeJam and Earl III: Mission to Earth


  
Antes de começar a falar do terceiro e último jogo da série Toejam and Earl, vale a pena mencionar a trajetória antes dele finalmente ser lançado. De console em console e parceiras feitas ao longo dos anos até finalmente ser lançado para Xbox em 2002.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

ToeJam & Earl / ToeJam & Earl in Panic on Funkotron


Toejam and Earl (Johnson Voorsanger Productions, Mega Drive) - Lançado para Mega Drive em 1991, recebeu vários elogios da critica por ser um jogo inovador no seu tempo, ter uma excelente trilha sonora, bom humor e o modo cooperativo para 2 jogadores que era excelente. Mais recentemente, em 2006, foi lançado no Virtual Console do Nintendo Wii.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

The Last Blade 2


The Last Blade 2 (SNK, Neo Geo) - Lançado no dia 25 de Novembro de 1998, foi a segunda e até agora última versão de The Last Blade lançada até o momento, e provavelmente será o último porque a SNK já revelou que não tem planos para continuar até a série até agora.


sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

The Last Blade


The Last Blade (SNK, Neo Geo) - Lançado no dia 5 de Dezembro de 1997 é um jogo de luta baseado em combate com armas brancas. O nome original do jogo em japonês significa "Romance do Bakumatsu: O Espadachim do Luar". Esse jogo também foi o primeiro que Daisuke Ishiwatari (que trabalharia futuramente na série Guilty Gear) trabalhou.


quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Klonoa: Door to Phantomile / Kaze no Klonoa

Klonoa é um dos mascotes criados pela Namco para dar uma nova cara a empresa na era 32-bits. Seus jogos já tiveram versões para PlayStation, PlayStation 2, Game Boy Advanced, Bandai Wonderswam e Nintendo Wii e alcançaram um sucesso significativo no Japão, já tendo chegado quase ao topo de vendas. Nesse post de hoje eu vou falar de dois jogos da série que eu já joguei e finalizei e com o tempo eu falarei dos outros jogos na medida que eu for terminando eles.


sábado, 20 de novembro de 2010

Ristar (8-bit)


Ristar (Biox, Game Gear) - Lançado simultaneamente com a versão do Mega Drive em 16 de Fevereiro de 1995, essa versão foi produzida pelo estúdio Biox e publicado pela Sega exclusivamente no Game Gear, não tensido sido adaptada para o Master System em nenhuma região como geralmente acontecia com outros jogos da empresa. Assim como aconteceu com Sonic, essa versão de Ristar é bem diferente da original 16-bit e mantém as suas próprias características.

Assim como a versão pra Mega Drive, o jogo recebeu muito pouca exposição da Sega durante o seu lançamento e é conhecido apenas por poucos jogadores.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Ristar (16-bit)


Ristar (Sonic Team, Mega Drive/Game Gear) - Lançado no dia 16 de Feveiro de 1995, Ristar é um jogo de plataforma desenvolvido pelo Sonic Team para o Mega Drive e publicado pela Sega. O jogo trás uma estrela humanóide como protagonista que utiliza as suas mãos que podem ser esticadas e usadas para manobras de ataque ou se mover por partes do cenários. No Japão, o jogo foi lançado como "Ristar the Shooting Star".

O jogo foi lançado também para Game Gear, no mesmo dia. Clicando aqui você pode visualizar o post específico dessa versão.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Road Rash: Parte 2


Road Rash (Monkey Do Productions / New Level Software, 3DO) - Lançado em 1994, é o terceiro jogo da série e também um remake do primeiro jogo com novos gráficos e com bastante novidades graças ao uso da midia CD dos consoles de nova geração que estavam saindo naquela época.


quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Road Rash: Parte 1


Road Rash (Electronic Arts, Mega Drive) - Lançado em 1991, foi o primeiro jogo da série a sair e também o único dos três exclusivos do Mega Drive que foi portado para outros consoles, tendo recebido ports para Amiga (1992), Atari ST (1992), Gameboy (1996), Game Gear (1994), Master System (1994) e Gameboy Color (2000).


domingo, 31 de outubro de 2010

KOF Maximum Impact Regulation A


KOF Maximum Impact Regulation A (SNK Playmore, Arcade) - Lançado em 07 de Julho de 2007 apenas no Japão na placa Taito Type X2, "Regulation A" é uma expansão do "KOF MI2" que trouxe pequenas novidades interessantes para o jogo. Portado exclusivamente para o PlayStation 2 algumas semanas depois, o jogo também foi relançado em formato digital na PlayStation Network esse ano no selo "PS2 Classics", porém o jogo continuou exclusivo no Japão.

Uma sequencia chamada KOF Maximum Impact Regulation A2 foi anunciada para o PlayStation 2 e Taito Type X2 na Tokyo Game Show de 2007. Muitos acreditam que o jogo foi colocado na geladeira por causa do desenvolvimento conturbado da The King of Fighters XII, mas logo em seguida foi cancelado. O seu protótipo só foi encontrado anos depois.

sábado, 30 de outubro de 2010

KOF Maximum Impact 2


KOF Maximum Impact 2 - (SNK Playmore, PlayStation 2) - Lançado em 27 de Abril de 2006, foi uma continuação direta do primeiro Maximum Impact, que é um spin-off da série The King of Fighters. Dessa vez o jogo ficou exclusivamente no PlayStation 2, tendo recebido apenas relançamentos digitais na PSN. O jogo expandiu os conceitos apresentados no primeiro jogo, porém continuou com lutas 1-contra-1 e trouxe diversos personagens que são meras "skins" modificadas uns dos outros.

Para divulgar o jogo, foram lançadas mini-histórias na internet escritas por Akihiro Ureshino no site oficial do jogo que servem como introdução do jogo e também foi lançada uma série de anime na internet chamada The King of Fighters: Another Day com 4 episódios.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

KOF Maximum Impact


The King of Fighters: Maximum Impact (Noise factory, PlayStation 2 e Xbox (ManiaX) - Lançado no dia 12 de Agosto de 2004, foi o primeiro jogo de luta 3D da SNK desde o lançamento de Samurai Shodown: Warrior's Rage em 1999 para PlayStation. Embora seja um spin-off da série KOF, a história contém bastante elementos dos jogos Fatal Fury e Art of Fighting.

Enquanto a versão americana do jogo vinha com uma dublagem péssima, no lançamento do Xbox e da versão européia do PlayStation 2 foi adicionado a opção de dublagem japonesa. A versão do Xbox contém um modo online exclusivo que era jogado através da Xbox Live.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

The King of Fighters 2002: Unlimited Match


The King of Fighters 2002: Unlimited Match (SNK Playmore, PlayStation 2) - Lançado em 26 de fevereiro de 2009 no Japão, é uma edição "revisitada" da KOF 2002 com novos personagens, artwork, músicas e estágios. O jogo foi lançado em Mídia Física no PlayStation 2 e nos Arcades apenas no Japão e em formato digital para o Xbox 360 em todo o mundo. Juntamente com The King of Fighters XII, esse jogo foi um dos planejamentos da SNK Playmore para os 15 anos da franquia.

Essa foi a última KOF "tradicional" com sprites pixelados, e também o último jogo da série à ser lançado no PlayStation 2.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

The King of Fighters 2002: Challenge to the Ultimate Battle


The King of Fighters 2002 (SNK Neo Geo / Eolith, Neo Geo) - Lançado em 10 de Outubro de 2002, é um jogo de luta desenvolvido pelo estúdio SNK Neo Geo (antiga Brezzasoft), produzido pela Eolith e publicado pela Playmore para a placa Arcade e console caseiro Neo Geo.  É o nono jogo da série a ser lançado, sendo este o segundo da série que ignora o roteiro para poder trazer personagens clássicos de volta à arena.

O artista sul coreano NONA retorna como desenhista das artwork, reprisando o mesmo papel que ele cumpriu no jogo anterior. Uma remake do jogo foi lançado em 2009 pela SNK Playmore, chamado The King of Fighters 2002: Unlimited Match.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

The King of Fighters 2001


The King of Fighters 2001 (Brezzasoft / Eolith, Neo Geo) -  Lançado em 15 de Novembro de 2001, é um jogo de luta produzido pela Brezzasoft, uma empresa formada por ex-funcionários da SNK e publicado em parceria pela Eolith, uma companhia sul coreana, e pela recém formada Playmore, na sua placa de Arcade e console caseiro Neo Geo. É o oitavo jogo da série KOF e o primeiro a ser produzido depois do fechamento da SNK. Com uma equipe muito menor que a original, o jogo acabou demorando mais tempo para ficar pronto e por isso só saiu no final do ano.

Se você quiser entender um pouco mais sobre esse período de transição entre a SNK original e a formação da SNK Playmore, eu recomendo você ler essa minha matéria do VG&ETC que narra os fatos um a um, explicando o que levou a empresa a falir e porque eles mudaram de nome mesmo sendo do mesmo dono.

sábado, 9 de outubro de 2010

The King of Fighters EX2: Howling Blood


The King of Fighters EX2: Howling Blood (Marvelous Entertainment, Game Boy Advance) - Lançado em 2002 no Japão e no fim de 2003 nos Estados Unidos no GBA e em 2004 para N-Gage, foi uma adaptação do jogo KOF 2000 para os portáteis e novamente trouxe uma história diferente, porém dessa vez trouxe também mais personagens novos e um enredo mais elaborado que continua a história do primeiro jogo.

Até o presente momento, este foi o último jogo da série a ser produzido especialmente para consoles portáteis, excluindo as versões simples para celulares compatíveis com J2ME.


sexta-feira, 8 de outubro de 2010

The King of Fighters 2000


The King of Fighters 2000 (SNK, Neo Geo) - Lançado no dia 26 de Julho de 2000, é um jogo de luta produzido pela SNK para a sua placa arcade e vídeo-game caseiro Neo Geo. É o sétimo jogo da série e o sexto capítulo do roteiro da série, sendo este a segunda parte da Saga NESTS. O jogo expandiu o sistema de Percutores, assim como trouxe 6 novos personagens para o rol e os Precutores Maniacos, personagens secretos que só podem ser escolhidos como Percutores.

Esse foi o último jogo inédito produzido pela equipe original da SNK antes de sua falência. Durante o período de Julho de 2000 à Março de 2001 - data que a empresa finalmente fechou as portas - eles trabalharam apenas em ports de jogos que já haviam sido lançados no Neo Geo para outras plataformas, até que a Playmore foi estabelecida naquele mesmo mês.

sábado, 2 de outubro de 2010

The King of Fighters EX: Neo Blood


The King of Fighters EX: Neo Blood (Marvelous Entertainment, Game Boy Advance) - Lançado em 01 de Janeiro de 2002 exclusivamente no GBA, KOF EX: Neo Blood é um jogo de luta desenvolvido pela Marvelous e publicado pela Playmore. O jogo, que é uma adaptação de KOF '99 para o portátil da Nintendo, trás um roteiro e uma protagonista inteiramente novos, além de algumas pequenas mudanças para as limitações do portátil.

Esse foi o primeiro jogo da série a ser produzido exclusivamente para uma plataforma da Nintendo, além de ser o primeiro jogo de luta da série a ser feito exclusivamente para um portátil - os jogos anteriores eram todos adaptações das versões de mesa ou eram jogos de puzzle.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

The King of Fighters '99: Millennium Battle


The King of Fighters '99: Millennium Battle (SNK, Neo Geo) - Lançado em 22 de Julho de 1999, é um jogo de luta produzido pela SNK para a sua placa arcade e vídeo-game caseiro Neo Geo. É o sexto jogo da série, porém o quinto no capítulo da história do jogo, uma vez que o jogo anterior não tinha uma. Várias mudanças foram feitas no jogo, tanto no que se refere à aparência dos personagens quanto aos seus golpes e o sistema de batalha, que introduziu os times de 4 membros.

Em 1999, a SNK já estava passando por alguns mal bocados e teve que parar a fabricação da sua placa 3D, Hyper Neo Geo 64, e também do seu console em CD, Neo Geo CD, devido à baixa venda e procura de ambos no mercado internacional.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Snatcher

        
          Em 6 de Junho de 1991, na cidade de Moscou, um centro de pesquisa de Chernoton foi explodido e com isso uma arma biologica chamada Lucifer Alfa foi liberada. Ela se espalhou pela atmosfera, devastando as nações da Europa Ocidental e 80% da Eurasia. Metade da população mundial morreu. Até os dias de hoje, esse incidente segue sem respostas.


          50 Anos depois, outra ameaça biologica cai sobre a Terra. Uma misteriosa forma de vida, os Bioroids. Uma nova arma de alguma nação? Invasores alienígenas de outro mundo?


          Eles aparecem no inverno, assassinam pessoas e tomam sua forma, se infiltrando gradualmente na sociedade. Sua pele artificial pode suar e até mesmo sangrar. Apesar da aparência orgânica, são totalmente inorgânicos. É praticamente impossível dintinguí-los do original.


          Por se apoderarem de corpos humanos, eles foram denominados "Snatchers".


Para quem não conhece Snatcher, ele foi o segundo jogo dirigido por Hideo Kojima em 1988, sendo o primeiro tendo sido Metal Gear também para MSX2 em 1987. Snatcher trás inúmeras referencias à Metal Gear e a outras coisas, como o filme Blade Runner. Se você é no minimo um fã de um desses dois citados, você já vai gostar do jogo logo de cara.

O jogo se passa na cidade japonesa de Neo Kobe, no ano de 2042. Você controla o protagonista chamado Gillian Seed, um novato na agência Junker HQ (Caçadores de Snatchers). Ele e sua esposa tinham sido resgatados pelo exército 3 anos antes na Zona Neutral da Sibéria, em uma instalação subterranea e ambos estavam sem memória alguma. Porém, depois de um treinamento militar ele foi indicado para a agência e no começo do jogo você vai ajuda-lo no seu primeiro dia de trabalho como um Junker.

Essa é a introdução do jogo e é ai que eu paro de falar sobre a história, cada detalhe salvo é uma surpresa a mais nesse jogo surpreendente e com uma história que vai te surpreender a cada nova missão. Na versão original para NEC PC-88 e MSX2, o jogo só tinha 2 ACTs, por conta que o jogo já estava bem grande pra época (4 Disquetes), sendo que as versões para PC Engine CD, Sega CD, PlayStation e Sega Saturn o jogo tem 3 ACTs e contando com um final totalmente novo e mais completo, tirando todas as dúvidas sobre o roteiro e os possiveis buracos que tinham ficado no jogo original.

As versões que eu joguei foram a do MSX2 e a do Sega CD, então o review e a descrição do jogo será baseado nas mesmas. A versão do MSX2 era um pouco superior a do PC-88, tinha bastante loading times e uma paleta de cores maior mas ambas versões eram igualmente boas. Nessa versão, você escolhia as opções por apertar as teclas que apareciam na tela (teclado numérico) enquanto na do Sega CD apareciam as opções embaixo da tela com as opções disponiveis e você escolhia-as com um botão.

Comentando sobre a versão do Sega CD, ela foi a primeira (e única) a ser lançada fora do Japão e foi feita justamente sob o intuito de ser lançado fora de lá, tanto que nenhuma versão em japonês foi lançada para o Sega CD, tendo sido lançada apenas nos Estados Unidos, Europa e Austrália. Ela trás gráficos semelhantes a versão do PC Engine CD, apenas com algumas pequenas censuras como alguns seios que apareciam ou um cachorro agonizando à beira da morte pra evitar um selo de Mature e diminuir assim o público do jogo.

Assim como na versão do PCE-CD, essa versão também trás cenas com dialogos importantes dublados e com um ótimo trabalho de dublagem e adaptação feita pela equipe americana. O jogo também era compatível com a pistola da Konami que foi lançada pra se jogar Lethal Enforces no Mega Drive, fazendo uma opção interessante para as cenas de tiro do jogo, mas era opcional. Dava pra jogar essas partes com o joystick também mas perdia um pouco da graça.

Snatcher é um jogo pra se jogar com calma. Você passará a maior parte do tempo investigando cenários, lendo/ouvindo dialogos e assistindo cenas do que propriamente "jogando" mas é ai que o jogo se destaca: cada investigação te deixa tenso porque você nunca sabe o resultado final como vai ser e a medida com que a história vai se desenrolando ela vai te prendendo ainda mais e você simplismente não consegue parar até chegar ao final do jogo e entender tudo o que está rolando no universo do jogo.

Recomendo se vocês quiserem jogar esse jogo que joguem a versão de Sega CD ou se quiserem conhecer a versão original, joguem a do MSX2. A do PCE-CD é boa, mas está apenas em japonês e as versões do PlayStation e Sega Saturn estão cheias de censuras que tiraram um pouco do charme do jogo.


Algumas screens do jogo:



Aqui 2 videos que comparam bem todas as versões do jogo:




Pra quem não conhece nada sobre o MSX, ele foi um dos primeiros computadores desenvolvidos pela Microsoft na decada de 80 e nele rodava o sistema DOS e ele foi um sucesso muito grande no Japão, tanto que quase não ouveram jogos lançados fora de lá. O MSX2 foi um upgrade que fizeram no hardware, lançado 2 anos depois e trazia consigo um melhoramento tanto na questão de video quanto processamento e RAM fazendo com que os jogos ficassem muito mais bem feitos que no antecessor.
     
A Konami foi uma das empresas que mais lançaram jogos para o MSX2, entre eles estão: Vampire Killer (a primeira versão para consoles da série Castlevania), Metal Gear e Metal Gear 2: Solid Snake (que eram bem superiores as versões de NES) e os clássicos Circus Charlie (jogo de circo) e Antarctic Adventure (jogo de corrida com um pinguim), sendo esses dois ultimos para a primeira versão do MSX.
     
Já o PC-88 era de uma linha de computadores japoneses da NEC, a mesma produtora do console Turbo Grafx (EUA) / PC Engine (Japão), aonde na época era bastante comum esses computadores lá no Japão.


Aqui uma imagem de cada um pra vocês verem como eles eram:


MSX2



PC-88

Não pude entrar em muitos detalhes sobre as outras versões do jogo porque, como vocês sabem agora, todas as outras estão em japonês o que atrapalha muito. Mas pelos videos vocês podem ver a comparação entre cada uma delas: como a cada versão o jogo foi recebendo mais e mais cortes por conta da censura, o que eu acho uma vergonha mas fazer o que...

Semana que vem tenho um post que eu acho que vocês vão gostar muito, é a volta de uma das séries que foram mais visualizadas aqui no blog, aguardem e verão!

Bom, por hoje é só. Sigam-me os bons... \o\~~~~~~~~~~~~~~~~

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Sunset Riders


Sunset Riders (Konami, TMNT2 Based Hardware - 1991) - Jogo de faroeste em progressão lateral, foi lançado primeiro nos arcades e depois apareceu no Mega Drive (1992) e no Super Nintendo (1993). Você controla um dos quatro caçadores de recompensar e vai caçando bandidos a medida que seus preços de recompensa vão aumentando a cada estágio. No Arcade, se tinha duas versões do jogo: uma para 2-Players e outra para 4-Players.


sábado, 11 de setembro de 2010

Ring of Destruction: Slam Masters II



Ring of Destruction: Slam Masters II (Capcom, CP-System II) - Lançado em Setembro de 1994 pela Capcom e conhecido no Japão como "Super Muscle Bomber: The Internaational Blowout", o jogo foi lançado apenas nos Arcades. Devido ao seu fraco desempenho, nunca recebeu uma versão caseira, sendo este o único jogo de luta da Capcom que jamais foi lançado no mercado caseiro.


sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Saturday Night Slam Masters


Saturday Night Slam Masters (Capcom, CP-System I) - Lançado em 13 de Julho de 1993 nos Arcades, é um jogo de wrestling profissional com personagens ficticios criados pelo mangaká Tetsuo Hara, famoso pela série Hokuto no Ken. Ele também desenhou todas as artworks do jogo.

O jogo foi seguido de um upgrade chamado "Muscle Bomber Duo: Ultimate Team Battle" em Dezembro de 1993.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Final Fight: Streetwise



Final Fight: Streetwise (Capcom Production Studio 8/Secret Level, PlayStation 2/Xbox) - Lançado em 28 de Feveiro de 2006 simultaneamente no PlayStation 2 e Xbox, é o quinto e até o momento último jogo inédito da série Final Fight lanãdo pela Capcom. O jogo é um spin-off, portanto não faz parte da cronologia oficial da série, embora utilize algumas possibilidades reais e isso confunde um pouco os fãs.


domingo, 5 de setembro de 2010

Final Fight Revenge



Final Fight Revenge (Capcom USA, Sega ST-V) - Lançado em Julho de 1999 nos Arcades japoneses, é o segundo e último jogo da série Final Fight a ser lançado nos Arcades até o momento. O jogo mudou de estilo e agora é um jogo de luta 3D com os personagens do primeiro jogo. Apesar do jogo ter sido feito pelo estúdio americano da Capcom, o jogo só foi lançado no Japão, tanto nos Arcades quanto em versões caseiras.

sábado, 4 de setembro de 2010

Final Fight 3


Final Fight 3 (Capcom, Super Nintendo) - Lançado em 22 de Dezembro de 1995, é o terceiro e último jogo da série que é um beat 'em up de progressão lateral. Os acontecimentos do jogo seguem Final Fight 2 e novamente foi produzido pela divisão caseira da Capcom, não tendo ganho nenhuma versão Arcade. Seu único relançamento foi para o Virtual Console do Nintendo Wii em 8 de Dezembro de 2009, não tendo recebido versões para nenhum outro console.

No Japão, o jogo é conhecido como Final Fight Tough.

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Final Fight 2




Final Fight 2 (Capcom Consumer Division, Super Nintendo) - Lançado em 22 de Maio de 1993, é um beat 'em up de progressão lateral lançado pela Capcom exclusivamente no Super Nintendo, não tendo sido lançada nenhuma versão pra Arcade. Seu único relançamento foi para o Virtual Console do Nintendo Wii em 12 de Outubro de 2009.


sábado, 28 de agosto de 2010

Mighty Final Fight



Mighty Final Fight (Capcom, NES) - Lançado em 11 de Junho de 1993 exclusivamente no Nintendinho, é um beat'em up de progressão lateral lançado pela Capcom que é um spin-off da versão Arcade, trazendo personagens e gráficos mais cômicos, no estilo "super deformed" ou "chibi".

Em 2006, esse jogo foi relançado no Game Boy Advance na coletânea "Capcom Classics Mini-Mix" junto com os jogos "Strider" e "Bionic Commando", todos eles jogos de NES.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Final Fight


Final Fight (Capcom, Capcom Play System I) - Lançado nos arcades em Dezembro de 1989, Final Fight é um beat 'em up de progressão lateral produzido pela Capcom e foi o 19º jogo lançado no seu hardware.

O desenvolvimento do jogo começou como uma continuação do primeiro Street Fighter de 1987, mas foi mudado de um jogo de luta para um beat 'em up devido ao sucesso de Double Dragon. O time que trabalho nesse jogo depois também trabalhou no primeiro Street Fighter II e depois vários personagens de Final Fight seriam apresentados como jogáveis em Street Fighter Alpha.

sábado, 31 de julho de 2010

The King of Fighters '98: Ultimate Match


The King of Fighters '98: Ultimate Match (SNK Neo Geo, Taito Type X²) - Lançado no dia 23 de Julho de 2008, exatamente 10 anos depois do lançamento da versão original nos Arcades, KOF '98 UM é um jogo de luta 2D com batalhas 3-on-3 que é um melhoramento da versão original. Entre as novas adições, estão presentes cenários totalmente novos, personagens que não haviam sido incluídos no original e novas imagens comemorativas para os times especiais.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

The King of Fighters '98: The Slugfest


The King of Fighters '98: The Slugfest (SNK, Neo Geo) - Lançado em 23 de Julho de 1998, é um jogo de luta competitivo lançado pela SNK para a sua placa arcade e console caseiro Neo Geo. É o quinto jogo da série KOF e foi divulgado como uma "edição especial", uma vez que ele trás a grande maioria dos personagens que apareceram nos jogos anteriores (da KOF '94 à '97), independente se eles estavam vivos ou não durante a história do jogo.

Ainda uma novidade na época do seu lançamento, a SNK lançaria outras versões sem roteiro para chamar atenção não só dos jogadores, mas para testar novos hardwares antes de lançar os jogos definitivos neles.


sexta-feira, 23 de julho de 2010

The King of Fighters '97


The King of Fighters '97 (SNK, Neo Geo) - Lançado em 28 de Julho de 1997, é um jogo de luta produzido pela SNK para a sua placa arcade e console caseiro Neo Geo. É o quarto jogo da série KOF e o último do arco de história chamado de "Saga Orochi". O jogo trouxe uma série de novidades na jogabilidade e no rol de personagens, porém todo esse trabalho acabou custando muito tempo da SNK e ela quase não conseguiu terminar o jogo à tempo para o seu lançamento.


Apesar de não ser citado nos créditos do jogo e nem no diário de desenvolvimento do jogo, acredita-se que a Alpha Denshi (ADK), empresa responsável por jogos como Magician Lord, Blue's Journey, World Heroes, Aggressors of Dark Kombat e Ninja Master's tenha participado do desenvolvimento do jogo, uma vez que banners com o logo da empresa podem ser vistos em vários estágios do jogo.

sexta-feira, 16 de julho de 2010

The King of Fighters '96


The King of Fighters '96 (SNK, Neo Geo) - Lançado em 30 de Julho de 1996, é um jogo de luta produzido pela SNK para a sua placa arcade e console caseiro Neo Geo. É o terceiro título da série KOF e continua os eventos da KOF '95. Algumas mudanças foram feitas na jogabilidade como notas técnicas, mudanças nos times e a introdução de alguns personagens novos também. A equipe teve alguns problemas durante o desenvolvimento do jogo e ele só ficou pronto semanas antes do lançamento.

Aqui foi o auge de popularidade do Neo Geo e da SNK. 1996 foi o ano que ela mais emplacou jogos e vendeu mais unidades em todo o mundo.

sexta-feira, 9 de julho de 2010

The King of Fighters '95


The King of Fighters '95 (SNK, Neo Geo) - Lançado em 25 de Julho de 1995, é um jogo de luta produzido pela SNK para a sua placa de arcade e console caseiro Neo Geo. É uma sequência direta da KOF '94 e é o segundo jogo da série KOF. Também é o primeiro jogo da série que foi portado para consoles caseiros que não fossem da SNK, como o PlayStation, Sega Saturn e Game Boy. Um dos principais focos do jogo foi a introdução do personagem Iori Yagami, que se transformaria num dos personagens favoritos de toda a série.

sábado, 3 de julho de 2010

The King of Fighters '94 Re-Bout


The King of Fighters '94: Re-Bout (SNK Playmore, PlayStation 2) - Lançado em 28 de Dezembro de 1994, Re-Bout é uma edição comemorativa de 10 anos da série KOF que foi lançada apenas no Japão e exclusivamente para o PlayStation 2. O jogo inclui a versão original do Neo Geo e a nova Re-Bout com gráficos em alta resolução. Uma versão para Xbox estava prevista para Março de 2006 nos EUA e Europa, porém foi cancelada.